Missão Italiana em Cuiabá

A comitiva chega a Cuiabá no início de novembro

Acontece entre os dias 8 e 9 de novembro, a missão do Consulado Geral da Itália de São Paulo em Cuiabá. A comitiva é liderada pelo Cônsul-Geral Felippo La Rosa. A visita diplomática tem como objetivos fazer passaportes de italianos; e realizar reuniões comerciais, educacionais e culturais com autoridades, representantes de órgãos públicos e privados, e empresários de vários setores da economia estadual.

O evento também busca articular missões para negócios e turismo entre mato-grossenses e italianos. Em relação à Educação e Cultura estão previstas reuniões para viabilizar intercâmbios com vistas a aprimoramento da língua italiana e a realização de eventos culturais ítalos-brasileiros. Também se busca incentivar o turismo de italianos para Mato Grosso e de mato-grossenses para a Itália.

 

Emissão de Passaportes

A emissão de passaporte italiano será na sede do Vice-Consulado Honorário Italiano em Mato Grosso, entre os dias 8 e 9 de novembro, das 8h às 18h, O Blog da Bárbara Fontes conversou com a vice-consulesa honorária, Marli Deon Sette:

Blog da Bárbara Fontes:  Quem pode solicitar esse tipo de passaporte?

Marli Deon Sette: Cidadãos italianos.

BBF: Quem são esses cidadãos italianos?

Marli Deon Sette: Cidadãos italianos são aqueles que nasceram na Itália, ou tendo nascido fora da Itália que sejam descendentes de italianos e tenham feito a sua cidadania.

BFF: Basta apenas ter cidadania italiana para fazer esse passaporte?

Marli Deon Sette: Além de ser italiano, precisa estar cadastrado no Consulado Geral da Itália de São Paulo. São duas coisas importantes para se fazer o passaporte: ser italiano (ter a cidadania) e ter o cadastro. O Vice-Consulado Honorário da Itália em Mato Grosso é vinculado ao Consulado Geral da Itália de São Paulo.

 

 

Cônsul-Geral da Itália_ViceConsulesa
Cônsul-Geral da Itália de São Paulo, Felippo La Rosa, com a Vice-Consulesa Honorária da Itália de Mato Grosso, Marli Deon Sette.

A realização da emissão do passaporte italiano em Cuiabá é a primeira conquista do Vice-Consulado. Segundo a Vice-Consulesa Marli Deon Sette, os cidadãos italianos que residem em Mato Grosso tem de fazer a inscrição no site do Consulado Geral, esperar na fila até o dia do agendamento e ir para São Paulo fazer o passaporte. Nos dias 8 e 9 de novembro, esses cidadãos (maiores de 18 anos) podem fazer o documento em Cuiabá sem precisar viajar para São Paulo. Após essas datas, o Vice-Consulado só vai emitir passaportes italianos para menores de 12 anos.

É importante ressaltar que para solicitar o passaporte é necessário passar por algumas etapas: realizar a pré-inscrição, e se ela for aprovada, o solicitante deve pagar a taxa consular e enviar o comprovante por e-mail. Após isso vai receber a data do agendamento para vir pessoalmente na sede Vice-Consulado. A pré-inscrição pode ser feita até o dia 2 de novembro de 2018.

 

Vice-Consulado Honorário Italiano em Mato Grosso

Posse_ViceConsulesaItalia_GabrielaMazzetti
Crédito: Gabriela Mazzetti

 

O Vice-Consulado Honorário da Itália funciona em Cuiabá desde 11 de junho deste ano. O Blog da Bárbara Fontes esteve na cerimônia de reabertura e da posse da Vice-Consulesa Honorária, Marli Teresinha Deon Sette. Acesse matéria aqui.

 

Informações

Sobre a emissão do passaporte e a pré-inscrição aqui.

Sobre a missão diplomática, entre em contato com o Vice Consulado Italiano Honorário de Mato Grosso: (65) 99292.8823

E-mail: marlids@hotmail.com

*Foto de Capa: Solenidade de reabertura do Vice-Consulado Honorário Italiano em Mato Grosso. Crédito: Christiano Antonucci/Gcom-MT

**Gostou dessa matéria? Seja Amigo (a) do Blog da Bárbara Fontes e receba  uma foto-art. Saiba mais aqui.

Anúncios

Publicado por

barbarafontes

Bárbara Fontes é formada em Comunicação Social pela UFMT. Especialista em Educação (Cinema e Educação). É cineasta, jornalista, roteirista, fotógrafa e poetisa. Seu primeiro trabalho em Assessoria de Comunicação foi em 1995. Iniciou no Cinema/Audiovisual/TV em 1994. Passou temporadas em vários países como Uruguai, Argentina, Bolívia, Panamá. Morou em Estocolmo, capital da Suécia, entre os anos de 2000 a 2002. Sua primeira entrevista para a televisão foi aos 12 anos, no programa de variedades, Vitrine, da TV Centro América. Aos 13 anos, escreveu seu primeiro artigo, publicado no jornal impresso, Correio Várzea-grandense. Desde que se conhece por gente, escreveu histórias, composições musicais, roteiros e poemas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s