Carnaval – música e letra

Conheça ou relembre canções que falam de carnaval.

 

O Blog da Bárbara Fontes montou um playlist onde o carnaval aparece direta ou indiretamente.

 

São canções que retratam fielmente e com toda poética, elementos que compõe a essência do carnaval como o barracão onde o sonho carnavalesco surge; as escolas de samba; os blocos de rua; os foliões e o povo que assiste; o samba e por fim, a quarta-feira de cinzas.

Foto de Bárbara Fontes_direitosreservados

Foto: acervo Bárbara Fontes

As músicas citadas foram encontradas no meu acervo pessoal composto de discos, cds e dvds, porém, podem ser encontradas em vários sites especializados.

 

Você também pode colaborar com esta playlist. Deixe a sua música (precisa ser antiga e sobre Carnaval) nos comentários. Ela será incluída na lista.

 

Confira abaixo as canções preferidas do Blog (com trechos) e os seus respectivos compositores:

 

1- Abre Alas (1899)

Compositora: Chiquinha Gonzaga

Ó abre alas
Que eu quero passar
Ó abre alas
Que eu quero passar

 

2- Retalhos de Cetim

Compositor: Benito de Paula

Mas chegou o carnaval
E ela não desfilou
Eu chorei, na avenida eu chorei
Não pensei que mentia a cabrocha
Que eu tanto amei

 

3- Portela na avenida (1981)

Compositor: Paulo César Pinheiro e Mauro Duarte

Portela
Eu nunca vi coisa mais bela
Quando ela pisa a passarela
E vai entrando na avenida
Parece
A maravilha de aquarela que surgiu
O manto azul da padroeira do brasil
Nossa senhora aparecida
Que vai se arrastando
E o povo na rua cantando
É feito uma reza, um ritual
É a procissão do samba abençoando
A festa do divino carnaval

 

4- Porta aberta (1973)

Compositor: Luiz Ayrão

Por isso, a nostalgia tomou conta de mim
Mas um amigo percebeu e disse assim:
“Para que tanta tristeza, rapaz?”
“Acabe com ela, vem comigo conhecer”
“A Portela, Portela”
Fenômeno que não se pode explicar
Portela, Portela
Uma corrente faz a gente sem querer sambar
É ela, é ela
O novo amor a quem eu quero agora me entregar.
O samba fez milagres
Reabriu meu coração para a Portela entrar.

 

5- É hoje

Compositor: Caetano Veloso

A minha alegria atravessou o mar
E ancorou na passarela
Fez um desembarque fascinante
No maior show da terra
Será que eu serei o dono dessa festa
Um rei
No meio de uma gente tão modesta
Eu vim descendo a serra
Cheio de euforia para desfilar
O mundo inteiro espera
Hoje é dia do riso chorar

 

6- Vai passar

Compositor: Chico Buarque

Vai passar
Nessa avenida um samba popular
Cada paralelepípedo
Da velha cidade
Essa noite vai
Se arrepiar
Ao lembrar
Que aqui passaram sambas imortais
Que aqui sangraram pelos nossos pés
Que aqui sambaram nossos ancestrais

 

7- Eu quero é botar o meu bloco na rua (1973)

Compositor: Sergio Sampaio

Há quem diga que eu dormi de touca
Que eu perdi a boca, que eu fugi da briga
Que eu caí do galho e que não vi saída
Que eu morri de medo quando o pau quebrou

(…)

Eu quero é botar meu bloco na rua
Brincar, botar pra gemer
Eu quero é botar meu bloco na rua
Gingar, pra dar e vender

 

8- We are the world of carnaval

Compositor: Nizan Guanaes

Ah, que bom você chegou
Bem-vindo a Salvador
Coração do Brasil
Vem, você vai conhecer
A cidade de luz e prazer
Correndo atrás do trio
Vai compreender que o baiano é
Um povo a mais de mil
Ele tem Deus no seu coração
E o Diabo no quadril
We are Carnaval
We are, we are folia
We are, we are the world of Carnaval
We are Bahia

 

9- Atrás do trio elétrico (1969)

Compositor: Caetano Veloso

Atrás do trio elétrico
Só não vai quem já morreu
Quem já botou pra quebrar
Aprendeu, que é do outro lado
Do lado de lá do lado
Que é do lado de lá

 

 

10- Hino do Galo da Madrugada

Compositor: Alceu Valença

Ei pessoal, vem moçada
Carnaval começa no Galo da Madrugada (BIS)

A manhã já vem surgindo,
O sol clareia a cidade com seus raios de cristal
E o Galo da madrugada, já está na rua, saudando o Carnaval
Ei pessoal..

 

11- Enredo do meu samba

Compositor: Jorge Aragão

Não entendi o enredo desse samba, amor
Já desfilei na passarela do teu coração
Gastei a subvenção
Do amor que você me entregou

Passei pro segundo grupo, e com razão

 

12- Tristeza pé no chão (1973)

Compositor: Armando Fernandes “Mamão”

Dei um aperto de saudade
No meu tamborim
Molhei o pano da cuíca
Com as minhas lágrimas
Dei meu tempo de espera
Para a marcação e cantei
A minha vida na avenida sem empolgação

 

13- Manhã de Carnaval

Compositores: Luiz Bonfá e Antonio Maria

Manhã, tão bonita manhã
Na vida, uma nova canção
Cantando só teus olhos
Teu riso, tuas mãos
Pois há de haver um dia
Em que virás

 

14- Maria, carnaval e cinzas

Compositor: Roberto Carlos

Nasceu Maria quando a folia
Perdia a noite, ganhava o dia
Foi fantasia seu enxoval
Nasceu Maria no Carnaval
E não lhe chamaram assim
Como tantas Marias de santas
Marias de flor, seria Maria
Maria somente, Maria semente
De samba e de amor
Não era noite não era dia
Só madrugada, só fantasia
Só morro e samba
Viva Maria

 

15- Depois do carnaval

Compositor: Beto Scala/São Beto

Depois do carnaval eu vou tomar juízo,
Há muito que eu preciso me regenerar,
Largar mão da viola, procurar batente,
Preciso urgentemente,
Me estabilizar.

Mais tarde vem você,
Depois do carnaval,
Você vai compreender,
Que é muito natural.

 

16- Folhas Secas (1973)

Compositor: Nelson Cavaquinho e Guilherme de Brito

Quando eu piso em folhas secas
Caídas de uma mangueira
Penso na minha escola
E nos poetas da minha estação primeira
Não sei quantas vezes
Subi o morro cantando
Sempre o sol me queimando
E assim vou me acabando

 

17- Máscara Negra

Compositor: Zé Keti

Tanto riso, oh quanta alegria.  Mais de mil palhaços no salão Arlequim está chorando pelo amor da Colombina                    No meio da multidão.

(Dica da leitora Denise Fonte)

 

 

2 comentários em “Carnaval – música e letra

  1. Denise

    Máscara Negra
    Compositor: Zé Keti
    Tanto riso, oh quanta alegria
    Mais de mil palhaços no salão
    Arlequim está chorando pelo amor da Colombina
    No meio da multidão

    Foi bom te ver outra vez
    Tá fazendo um ano
    Foi no carnaval que passou
    Eu sou aquele pierrô
    Que te abraçou
    Que te beijou, meu amor
    Na mesma máscara negra
    Que esconde o teu rosto
    Eu quero matar a saudade
    Vou beijar-te agora
    Não me leve a mal
    Hoje é Carnaval

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s