Agronegócio – Nota Aprosoja

Aprosoja emite nota sobre posicionamento contrário do Fórum Agro MT sobre pesquisa científica sobre plantio de soja

Na última segunda-feira (27), a Associação dos Produtores de Soja e Milho do Estado de Mato Grosso (Aprosoja) foi surpreendida com um posicionamento do Fórum Agro MT, contra a realização de pesquisa científica promovida por esta associação, em parceria com a Fundação Rio Verde e o Instituto Agris, para comparativo de plantios de soja de dezembro e fevereiro, com a finalidade de constatação da severidade e resistência do fungo da Ferrugem Asiática da Soja, bem como perda de eficiência de fungicidas, em ambos períodos. Note-se que, referido assunto já havia sido levado pela Aprosoja ao Fórum Agro MT anteriormente, mas este, por entender que o assunto era específico do setor da soja, deveria o mesmo ficar a cargo somente da associação. Aliás, o próprio Estatuto Social do Fórum Agro MT é expresso em seu Art. 4º, ao dispor que “O Fórum Agro MT não promoverá interesses individuais das suas associadas, sendo tais obrigações tuteladas por suas respectivas entidades de classe.” Além de estarrecedor, por ir contra o desenvolvimento do conhecimento científico, o posicionamento do Fórum Agro MT, que congrega entidades como a Associação Mato-grossense dos Produtores de Algodão (AMPA), a Associação dos Criadores de Mato Grosso (Acrimat), a Associação dos Criadores de Suínos de Mato Grosso (Acrismat), a Associação dos Produtores de Sementes de Mato Grosso (Aprosmat), e a Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Mato Grosso (Famato), se mostrou irresponsável, pois não foi amparado por pesquisa científica em campo que amparasse sua decisão. Fatos como este da última segunda-feira, e omissões do Fórum Agro MT em se envolver com assuntos diretamente relacionados aos interesses dos produtores do estado, como por exemplo, não participar do Movimento Mato Grosso Forte, ato este que se posicionou contra o aumento de carga tributária, e exigiu a correta aplicação dos recursos do Fethab, exclusivamente, em obras de infraestrutura; e não tomar posicionamento em relação ao passivo do Funrural, fizeram com que a Aprosoja se retirasse do Fórum no final do ano passado, já que esta associação sempre foi veemente na defesa dos produtores de soja e milho do estado. Mais absurdo ainda, é que o posicionamento do Fórum Agro MT contrariou até mesmo o Ministério de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), que por meio de sua CoordenadoriaGeral de Proteção de Plantas, após solicitação de informações encaminhada pelo Governador do Estado de Mato Grosso, não verificou óbice algum à realização da pesquisa científica pleiteada pela Aprosoja, concordando com a mesma. Desta forma, não reconhecendo a legitimidade do Fórum Agro MT para defender os interesses dos produtores de soja e milho do estado de Mato Grosso, a Aprosoja reforça que é a única entidade que, de fato, defende e representa os interesses destes produtores.”

(Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Groso – Aprosoja)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s