Dia de São Valentim

O Dia dos Namorados no hemisfério Norte é uma homenagem ao santo que acreditava no amor

 

 

O século II (D.C.) foi marcado por perseguições e mortes cruéis aos cristãos. Sob o domínio do imperador Cláudio II, a situação dos seguidores de Jesus Cristo piorou com os decretos que exigiam a prática do culto monoteísta ao deus Sol e a proibição da realização de casamentos para que os homens jovens pudessem se dedicar o serviço militar. O bispo cristão Valentim não acatou as ordens imperiais e, por conta própria, casava os jovens em segredo. E assim foi até ser descoberto e preso.

 

 

A história conta que durante o período de prisão, Valentim recebia muitas flores e bilhetes atirados por jovens. Artérias, filha do carcereiro, conseguiu permissão do pai para visitar Valentim, e com a aproximação constante os dois se apaixonaram, e a jovem que era cega conseguiu milagrosamente recuperar a visão. Infelizmente esta é uma linda história sem final feliz, a enamorada perde o seu grande amor para a ignorância do império romano, e Valentim é decapitado no dia 14 de fevereiro de 270. Além do legado cristão deixado pelo bispo, outra prática criada por ele é vivenciada até os dias atuais: enquanto namorava Artérias à distância, escrevia cartas de amor e sempre assinava “de seu Valentim”. Assim nasceu o Dia de São Valentim e a troca de cartões!

Rom,_Santa_Maria_in_Cosmedin,_Reliquien_des_Hl._Valentin_von_Terni

Relíquia de São Valentim de Terni. (Wikipédia)

 

Por que não é celebrado no Brasil?

Desde de 1996, São Valentim não é celebrado oficialmente pela Igreja Católica apesar de ser reconhecido. O Vaticano ainda tem dúvidas sobre a sua existência. No dia 14, a Igreja celebra os santos São Cirilo e São Metódio. O ofício de São Valentim foi agregado pelas religiões Anglicana, Ortodoxas Orientais e Luterana, portanto celebrado pelos países situados no hemisfério Norte onde o catolicismo não é a religião principal. No Brasil, o Dia dos Namorados é comemorado no dia 12 de junho, mas a sua história está anos-luz da grandeza do Dia de São Valentim. Com o objetivo de aquecer o comércio no mês de junho, que até então era dedicado às festas juninas, o publicitário João Dória, pai do governador de São Paulo, João Dória Junior, criou o Dia dos Namorados, um dia antes da celebração de Santo Antonio considerado pelos católicos, o santo casamenteiro.

 

 

São Valentim – o santo amado pelos enamorados

Como era a aparência física do bispo Valentim, um dos santos mais queridos do mundo? Em busca de resposta, o brasileiro Cícero Moraes, designer especializado em 3D, conseguiu reconstruir a face do santo em 2013, a partir de fotos do crânio que se encontra em Roma, feitas pelo hagiólogo, o também brasileiro, José Luís Lira. Segundo a Wikipédia, a reconstrução foi realizada por meio das técnicas de modelagem e aproximação facial forense.

1280px-Saint_Valentine_-_steps_of_facial_reconstruction (1)

Fonte: Etapas da reconstrução facial forense de São Valentim. Cícero Moraes, José Luís Lira, ABRHAGI, Santa Maria in Cosmedin, Marcos Paulo Salles Machado.

 

 

Dicas de filmes

Confira abaixo algumas dicas bacanas do BFF de filmes e animação que mostram como o Dia de São Valentim é celebrado no hemisfério Norte, principalmente nos EUA.

 

*Idas e Vindas do Amor

filme IdaseVindasdoAmor

 

 

Clássico sobre o tema. O filme mostra várias histórias paralelas de pessoas que vivem em Los Angeles (EUA) durante todo o Dia de São Valentim.

 

 

 

filme EuOdeiodiaNamorados

 

 

*Eu odeio o Dia dos Namorados

Nem todo mundo gosta do Dia de São Valentim, né? E esta comédia vai de encontro para os desacreditados no amor, porém, até o mais cético pode se surpreender.

 

 

 

 

snoop

 

*O Dia dos Namorados de Charlie Brown

O melhor amigo de Snoop está apaixonado por uma garota, mas com “coragem zero” para se declarar! Fofíssimo!

 

 

 

 

 

***BBF***

 

O BLOG DA BÁRBARA FONTES (BBF) é um site independente e se mantém por meio de recursos próprios, parcerias e doações dos leitores. Saiba mais:

Campanha “AMIGOS DO BLOG”, acesse aqui e colabore

 

 

ATENÇÃO

As matérias, reportagens e qualquer outro conteúdo produzido possuem direitos autorais, isto é, exclusivo do Blog da Bárbara Fontes e foi pesquisada, apurada, escrita e publicada por sua editora, Bárbara Fontes. Cada pauta tem um custo e exige muito trabalho para fazer! O plágio é uma atitude covarde e que não deve ser tolerada. Portanto a autora NÃO AUTORIZA a reprodução/veiculação em outros sites, blogs e plataformas (qualquer uso na internet). Também NÃO AUTORIZA a reprodução/veiculação em veículos de comunicação (TV, emissoras de rádio e qualquer meio impresso). Plágio é crime!

 

 

BBF nas redes sociais:

Página no Facebook, acesse AQUI.

Grupo no Facebook, acesse AQUI.

Instagram: @barbarafontes2018

LinkedLn, acesse AQUI.

Twitter: @BarbaraFontesBR

Site do BBF: http://www.blogdabarbarafontes.com

E-mail: blogdabarbarafontes@gmail.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s