Tecnologia de Inovação

Sistema Famato apresenta o primeiro AgriHub Space de Mato Grosso, o maior de inovação em Agro do Brasil

O século XXI está entrelaçado com inovações tecnológicas provenientes das startups. Com elas também surgem novos conceitos, paradigmas e projetos que visam suprir demandas de todos os setores da economia, principalmente, a cadeia produtiva agrícola. Atenta a isso, o Sistema Famato apresentou, na semana passada (09.10), durante coletiva de imprensa, o AgriHub Space – o primeiro hub de inovação de Mato Grosso. O objetivo de conectar empresas, produtores rurais, startups e o ecossistema agrícola e de inovação. O hub é composto pelas empresas parceiras Amaggi, Agro Amazônia/Sumitomo Corporation, Tropical Melhoramento e Genética Ltda (TMG) e a Rede de Fazendas Alfa. O Sistema Famato e a empresa de tecnologia LM Ventures encabeçam o projeto considerado o maior de inovação em Agro do país.

 

 

unnamed
Apresentação do conceito AgriHub Space para imprensa. Crédito: Ascom Famato

 

 

A Famato é uma instituição representativa dos produtores rurais de Mato Grosso. Nós queremos trazer empresas que trabalham com novas tecnologias para a atividade que nós fazemos. E nós podemos contribuir para essas empresas também com a questão da prática, onde dizer o que funciona e o que não funciona. O mundo está cheio de startups e aqui nós estamos atraindo as que irão se dedicar a descobrir novas tecnologias para o agro”, explica Normando Corral, presidente do Sistema Famato, para o Blog da Bárbara Fontes (BBF) sobre a parceria da instituição com o projeto AgriHub Space.

 

 

 

O que é Startup e Hub de Inovação?

As novas tecnologias também inserem novos conceitos que, aos poucos, são compreendidas pelas pessoas. Segundo o site médium.com, startup é uma empresa de base tecnológica com alto padrão de crescimento. Hub de inovação congrega em um espaço, as startups, as médias e grandes empresas, e potenciais investidores, portanto, voltado para geração de negócios. Um hub também pode ser entendido como um ecossistema.

 

 

 

AgriHub Space

Segundo informações da assessoria de imprensa da Famato, o espaço físico e digital de 400 m² está instalado no Edifício Famato e funcionará como uma incubadora de startups e ponto de conexão. O local conta com salas de reunião, salas para parceiros, salas flex, mini auditório com capacidade para 35 pessoas. Além do espaço físico, o hub contará com profissionais que darão suporte às empresas parceiras, provedores de tecnologias e as startups incubadas. A inauguração está prevista para dezembro deste ano.

 

BlogdaBarbaraFontes2_out2019
Crédito: Bárbara Fontes

 

Mas por que criar um ambiente de inovação no Centro-Oeste?  “Mato Grosso é o maior estado produtor agrícola do Brasil, e quando se pensa em resolver problemas de produção tem de estar aqui”, explica Magnos Arantes, diretor da LM Ventures, empresa que opera o Agrihub Space.

 

 

 

Chamada para Startups

Para utilização do AgriHub Space será divulgada uma Chamada, prevista para até o dia 21 de outubro, para startups brasileiras e estrangeiras que tenham o perfil exigido, isto é, que estão aptas para trabalhar com inovações voltadas para o Agro. A equipe técnica do AgriHub Space realizou um diagnóstico das principais necessidades das empresas já parceiras, Amaggi, Agro Amazônia/Sumitomo Corporation e TMG. Esses diagnósticos serão utilizados para a seleção das startups que devem apresentar soluções e aplicações práticas de tecnologias que resolvam demandas apontadas neste primeiro levantamento.

 

 

 

A gente pode ter um problema que tem várias soluções como equipamentos, softwares, roterização logística, ou com problema químico e fazer uma pré-calda. A gente não está procurando uma única solução. E inovação é isso, pegar um problema real e olhar de maneira aberta para o mercado, e para várias possibilidades de soluções. Conseguir trazer as startups para conversarem com um produtor ou uma empresa agrícola, e fazer com que se testem na prática a ideia, o produto ou um conceito que tenham efetividade melhor”, comenta Magnos Arantes para o BBF.

 

 

 

Devem ser selecionadas de 8 a 15 startups que participarão de um programa de nove meses, sem custo de participação. Durante o período, elas receberão um pacote de serviços gratuitos para ajudá-las a se desenvolver. Poderão usufruir do espaço físico e digital, e ainda terão acesso a um programa de ajuda comercial para se conectarem com as empresas parceiras e os produtores da Rede de Fazendas Alfa. A partir de um problema resolvido, o produtor ganha na produtividade, e a startup gera benefícios econômicos ao ganhar um cliente e colocar um produto no mercado.

 

 

No Agrihub Space também será oferecido uma rede de serviços aos empreendedores e agentes de inovação (agtechs), com o intuito de acelerar novos negócios e aproximar o mercado e as agtechs. Para o mercado serão oferecidos treinamentos, workshops, painéis temáticos, desafios de inovação, projetos abertos, meet-ups cursos de mentores, dias de mentorias a startups entre outros. “A gente vai ajudar as startups a se desenvolverem e a conectá-las com os potenciais clientes”, finaliza Magnus.

 

 

 

*Esta matéria do BBF também contém informações da Ascom/Famato

 

O BLOG DA BÁRBARA FONTES (BBF) é um site independente e se mantém por meio de recursos próprios e doações dos leitores. Saiba mais:

Campanha “AMIGOS DO BLOG”, acesse aqui e colabore

 

 

BBF nas redes sociais:

Página no Facebook, acesse AQUI.

Grupo no Facebook, acesse AQUI.

Instagram: @barbarafontes2018

LinkedLn, acesse AQUI.

Twitter: @BarbaraFontesBR

Site do BBF: http://www.blogdabarbarafontes.com

E-mail: blogdabarbarafontes@gmail.com

 

 

ATENÇÃO

As matérias, reportagens e qualquer outro conteúdo produzido possuem direitos autorais, isto é, exclusivo do Blog da Bárbara Fontes e foi pesquisada, apurada, escrita e publicada por sua editora, Bárbara Fontes. Cada pauta tem um custo e exige muito trabalho para fazer! O plágio é uma atitude covarde e que não deve ser tolerada. Portanto a autora NÃO AUTORIZA a reprodução/veiculação em outros sites, blogs e plataformas (qualquer uso na internet). Também NÃO AUTORIZA a reprodução/veiculação em veículos de comunicação (TV, emissoras de rádio e qualquer meio impresso). Plágio é crime!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Anúncios

Mundo Geek

Cuiabá recebe Museu do Videogame Itinerante

 

Quem foi criança ou adolescente na década de 1980, sabe do poder que um videogame tinha. Quase todo mundo queria ter um. Era o sonho de consumo e pedido principal das cartas para o Papai-Noel no fim de ano. Hoje, adultos com mais de 30 anos podem matar a saudade de um tempo que não volta atrás nos eventos organizados pelo Museu do Videogame Itinerante por todo país. Em Cuiabá (MT) acontece entre 05 a 20 de outubro, no Goiabeiras Shopping. É gratuito.

 

 

O evento não é apenas para saudosistas, a exposição também terá áreas com os consoles atuais como PlayStation VR, Nintendo Switch e XBOX ONE X. Serão mais de 300 consoles, palco Just Dance, além de simuladores de corrida, torneios de jogos antigos e atuais e controles gigantes. O museu resgata 47 anos de história dos videogames e envolve diferentes gerações com apenas uma tela e controles.

 

 

MuseuVideogameitinerante
Montagem Blog da Bárbara Fontes/Imagem do Museu do Videogame

 

 

Segundo o curador do Museu do Videogame Itinerante, Cleidson Lima, há muitas relíquias expostas como o primeiro console fabricado no mundo, o Magnavox Odyssey, de 1972; o Atari Pong (primeiro console doméstico da Atari), de 1976; Fairchild Channel F, de 1976 (primeiro console a usar cartuchos de jogos); o Telejogo Philco Ford, de 1977 (o primeiro videogamefabricado no Brasil); o Nintendo Virtual Boy, de 1995 (primeiro a rodar jogos 3D); o Vectrex, de 1982 (console com jogos vetoriais que já vinha com monitor); o Microvision (primeiro portátil a usar cartucho), de 1979 e o R.O.B (robozinho lançado juntamente com o Nintendo 8 bits, em 1985).

 

 

 

 

Videogame no Goiabeiras Shopping

O Museu do Videogame Itinerante propõe entretenimento digital para toda a família. Segundo informações da Cafeína Conteúdos Inteligentes, que assessora o Goiabeiras, o evento em Cuiabá terá o concurso de Cosplay, atividade em que as pessoas se vestem com seus personagens favoritos e dançam sozinhos ou em grupos, no Palco Just Dance. Aqui, o jogador é desafiado a imitar os mesmos movimentos de dançarinos profissionais virtuais e alcançar a melhor pontuação no ranking do evento. Os mais bem colocados poderão, inclusive, participar do concurso Just Dance, da Ubisoft, e faturar brindes e prêmios.

 

 

 

 

Saudosismo bom!

Quem for a exposição terá a oportunidade de ver (ou rever) relíquias como o primeiro console fabricado no mundo, o Magnavox Odyssey, de 1972; o Atari Pong (primeiro console doméstico da Atari), de 1976; Fairchild Channel F, de 1976 (primeiro console a usar cartuchos de jogos); o Telejogo Philco Ford, de 1977 (o primeiro videogamefabricado no Brasil); o Nintendo Virtual Boy, de 1995 (primeiro a rodar jogos 3D); o Vectrex, de 1982 (console com jogos vetoriais que já vinha com monitor); o Microvision (primeiro portátil a usar cartucho), de 1979 e o R.O.B (robozinho lançado juntamente com o Nintendo 8 bits, em 1985).

Todos os equipamentos trazem uma breve história da sua criação, ano de fabricação, detalhes técnicos e telas de jogos. Os visitantes também vão poder jogar os maiores clássicos como o Telejogo Philco-Ford, Atari 2600 , Odyssey, Nintendinho 8 bits, Master System, Mega Drive, Sega CD, Super Nintendo, Neo Geo, Panasonic 3DO, Turbografx, Nintendo 64, Game Cube, Sega Dreamcast, Xbox, Playstation 1, PlayStation 2, entre outros.

 

 

 

Museu do Videogame Itinerante

É o primeiro do gênero do país registrado pelo Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) e recebe cerca de 5 milhões de visitantes ao ano. Em 2014, recebeu o prêmio do Ministério da Cultura como o museu mais criativo do país. Em 2016, foi um dos museus brasileiros escolhidos para representar o país no maior encontro de museus do mundo, em Paris. Este ano, o evento também fez parte da London Games Festival, maior evento de games da Inglaterra.

 

 

Programação pelo Brasil

MuseuVideogameitinerante2
Montagem Blog da Bárbara Fontes/Fonte: Museu do Videogame

 

 

 

Bate-papo bem-humorado

O Blog da Bárbara Fontes conversou com Cleidson Lima, idealizador e curador do Museu do Videogame Itinerante.

 

 

Blog da Bárbara Fontes = Cleidson, o museu tem uma sede?

Cleidson Lima = O Museu do Videogame Itinerante não tem uma sede. Ele é itinerante e, desde 2015, roda o Brasil levando a maior coleção de videogames em exposição no país. Somos o primeiro museu do gênero registrado no Ibram – Instituto Brasileiro de Museus.

 

 

 

Blog da Bárbara Fontes = Há uma equipe em Cuiabá para a montagem no shop Goiabeiras?

Cleidson Lima = Temos uma equipe própria que, em conjunto com profissionais locais, montagem e organizam o museu durante 16 dias em cada shopping pelo Brasil.

 

 

 

Blog da Bárbara Fontes = O que estão achando da cidade e da oportunidade de fazer o evento aqui?

Cleidson Lima = Cuiabá é uma cidade que sempre quisemos fazer o evento. A paixão por videogames do público sempre ficou evidente nas redes sociais e ficamos felizes que o Goiabeiras Shopping tenha optado por contratar nosso evento. O Museu do Videogame Itinerante já passou por mais de 50 cidades pelo país. Este ano, já passamos por Rio de Janeiro, São Paulo, Santo André, Londres (Inglaterra), Porto Velho, Santa Bárbara d’Oeste-SP, São Luís-MA, Teresina-PI e Salvador. Este mês estaremos em Belo Horizonte e, da capital mineira, seguimos para Cuiabá. O ano terminará para o museu em Pato Branco, no Paraná.

 

 

 

Blog da Bárbara Fontes = Cleidson como surgiu a ideia do Museu do Videogame Itinerante?

Cleidson Lima = Tudo isso começou com uma “DR de casal”. Isso mesmo! Sou colecionador há mais de 20 anos e todos os videogames estavam dentro da minha casa. Em um belo dia de fúria, minha esposa, Janaína Ivo, me deu um ultimato: “ou você transforma essa sua coleção em um museu, para tirá-los de casa, ou você vai sair de casa com eles”. Eu mostrei quem manda em casa… Ela.

 

Serviço

Museu do Videogame chega ao Goiabeiras
Data: 05 a 20.10.19
Local: Goiabeiras Shopping
Gratuito

 

 

Saiba mais:

Museu do Videogame Itinerante, acesse aqui.

 

 

******

Publicidade

APRENDA INGLÊS de forma prática, barata e eficaz! Saiba mais AQUI.

*******

 

O BLOG DA BÁRBARA FONTES é um site independente e se mantém por meio de recursos próprios e doações dos leitores. Saiba mais:

Campanha “AMIGOS DO BLOG”, acesse aqui e colabore

 

 

 

ATENÇÃO

As matérias, reportagens e qualquer outro conteúdo produzido possuem direitos autorais, isto é, exclusivo do Blog da Bárbara Fontes e foi pesquisada, apurada, escrita e publicada por sua editora, Bárbara Fontes. Cada pauta tem um custo e exige muito trabalho para fazer! O plágio é uma atitude covarde e que não deve ser tolerada. Portanto a autora NÃO AUTORIZA a reprodução/veiculação em outros sites, blogs e plataformas (qualquer uso na internet). Também NÃO AUTORIZA a reprodução/veiculação em veículos de comunicação (TV, emissoras de rádio e qualquer meio impresso). Plágio é crime!

 

 

Tecnologia

Segunda edição de Jovens de Futuro acontece nesta quinta-feira, na Arena Pantanal (Cuiabá-MT)

 

Após o sucesso da primeira edição do Jovens de Futuro, realizada em 19 de julho, na Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Seciteci), o evento retorna em um espaço maior na Arena Pantanal para receber estudantes que terão a oportunidade de ouvir quatro jovens que têm muitas histórias de superação para contar. A segunda edição acontece nesta quinta-feira (29.08), às 15h.

Segundo a assessoria da Seciteci, o evento tem como objetivo apresentar histórias de jovens dedicados e empenhados em conquistar seus sonhos, servindo de exemplos para a juventude. O bate-papo com a garotada tem a duração de 1h, e terá quatro edições ao todo, encerrando durante a Semana Nacional de Ciência e Tecnologia, no mês de outubro.

 

 

Conheça os “Jovens de Futuro”!

Britney Freire (16 anos, estudante) = Diagnosticada com Transtorno de Déficit de Atenção (TDA) na infância, teve bastante dificuldade na escola, mas conseguiu superar e, por meio de um processo seletivo, entrou na equipe de Robótica do Sesi Escola. Devido ao seu potencial, também se tornou líder de uma equipe de Fórmula 1 da escola, que construiu uma miniatura de carro de F1 e disputou um torneio nacional.

Marco Augusto de Almeida (26 anos, advogado) = Criado somente por sua mãe, empregada doméstica, Marco passou por muitas dificuldades até se formar em Direito pela UFMT. Depois de aprovado no exame da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), conseguiu um bom emprego e atualmente faz duas pós-graduações, curso de inglês, e está próximo de realizar seu grande sonho: comprar uma casa para sua mãe.

Suzana Andrade  (19 anos, estudante de Saúde Coletiva da UFMT) = foi classificada para representar o Brasil no concurso ‘Reina Teen Universal 2019’, que ocorrerá na Bolívia, em novembro deste ano. Da cidade de Cuiabá, Suzana conta com o apoio de sua família e de amigos para arrecadar o valor necessário para as despesas da viagem internacional.

João Marcelo Brasil da Silva (21 anos, estudante de direito e atleta) = na infância, sua mãe, preocupada com o filho que “vivia na rua”, resolveu matriculá-lo no curso de artes marciais do projeto Rede Cidadã, que atende crianças e adolescentes em condições de vulnerabilidade social. Hoje, Marcelo é faixa preta de taekwondo e dá aulas no projeto que o acolheu. Também é estudante de Direito e está se preparando para conquistar seu próximo sonho: se tornar policial.

 

 

******

Publicidade

Aprenda INGLÊS de forma prática, barata e eficaz! Saiba mais AQUI.

*******

 

 

Acompanhe!

A transmissão será feita pelo canal da Seciteci no YouTube. Para assistir, basta se inscrever AQUI. Após se inscrever, acione o “sininho”para receber notificações do canal.

 

 

 

Realização

A ação conta com a parceria da Unicef, Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc), Secretaria de Estado de Educação (Seduc), União dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime-MT), Associação para Desenvolvimento Social dos Municípios (APDM),  Conselho Estadual de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente (Cedca-MT) e Federação Mato-grossense de Associações de Moradores de Bairros (Femab-MT).

 

 

 

 

Jovens de Futuro – 1º Edição

 

JovensdeFuturo1

 

A primeira transmissão ao vivo do Jovens de Futuro aconteceu no dia 19 de julho deste ano. O Blog da Bárbara Fontes conferiu o evento que promove um diálogo saudável e troca de experiências entre jovens mato-grossenses. A sala de reunião da Seciteci, no Centro Político Administrativo (Cuiabá-MT), estava repleta de jovens atentos nas conversas dos convidados:

A transmissão também contou com a participação do secretário da Seciteci, Nilton Borgato, e do procurador de Justiça Paulo Prado, titular da Procuradoria Especializada em Defesa da Criança e Adolescente de Mato Grosso. O evento ocorrerá na sede da Seciteci, no Centro Político Administrativo.

Presenciar o evento foi uma experiência gratificante. Como é bom ver jovens tão cheios de sonhos e com objetivos claros do que querem para o futuro. O bacana de tudo isso é que eles têm a consciência de que o futuro que almejam precisa ser plantado no presente, isto é, agora! Mato Grosso tem uma geração de jovens que dará muitos frutos para a sociedade e a iniciativa da Seciteci – que é uma Secretaria que promove políticas públicas nas áreas da Ciência, Tecnologia e Inovação – é muito importante. O governo faz a parte que lhe cabe em criar oportunidades, e a sociedade também precisa fazer a sua parte: cuidar de seus jovens e incentivá-los a participarem de eventos que os inspirem, como o Jovens de Futuro.

 Confira abaixo o perfil dos jovens que participaram da primeira edição:

  • Maria Gislanny Silva, 21 anos, estudante de Física na UFMT, tem o sonho de ser astronauta. Sempre Maria venceu diversas barreiras e após muito esforço, conseguiu participar de uma visita a NASA. Agora, a próxima conquista é estudar nos Estados Unidos e se preparar para os desafios do futuro.
  • Gabriel Corrêa da Silva, de 18 anos, é estudante do ensino médio e pretende cursar jornalismo e se tornar político. Sempre atuante nas questões sociais, se destacou na escola e hoje faz parte do Conselho Estadual de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente (CEDCA).
  • Dherick Abreu12 anos, é um dos mais aplicados alunos de uma escola de efeitos visuais, em Cuiabá. Próximo de se formar, ele já trabalha como designde mídias sociais para pessoas próximas, com o acompanhamento de sua mãe.
  • Lucas Sardinha Lopes20 anos, assumiu a coordenação pedagógica de uma unidade que compõe uma franquia de escolas onde já foi aluno. O seu sonho é ser referência na área de treinamentos, já que tem grande habilidade para ensinar.

 OBS: A primeira transmissão do Jovens de Futuro pode ser acessada AQUI.

 

 

SERVIÇO:

Evento: Transmissão ao vivo ‘Jovens de Futuro’ – 2º Edição

Data: 29/08

Horário: 15h

Local: Arena Pantanal – Setor Oeste, Portão 1, 3º andar (Sala do Parque Tecnológico)

Outras informações: (65) 3613-0121

 

 

 *Esta matéria também tem informações da assessoria da Seciteci (Soraya Medeiros).

 

 

O BLOG DA BÁRBARA FONTES é um site independente e se mantém por meio de recursos próprios e doações dos leitores. Saiba mais:

Campanha “AMIGOS DO BLOG”, acesse aqui e colabore

 

 

 

ATENÇÃO

As matérias, reportagens e qualquer outro conteúdo produzido possuem direitos autorais, isto é, exclusivo do Blog da Bárbara Fontes e foi pesquisada, apurada, escrita e publicada por sua editora, Bárbara Fontes. Cada pauta tem um custo e exige muito trabalho para fazer! O plágio é uma atitude covarde e que não deve ser tolerada. Portanto a autora NÃO AUTORIZA a reprodução/veiculação em outros sites, blogs e plataformas (qualquer uso na internet). Também NÃO AUTORIZA a reprodução/veiculação em veículos de comunicação (TV, emissoras de rádio e qualquer meio impresso). Plágio é crime!

 

 

Tecnologia

Evento reúne comunidade de profissionais das Startups

 

 

A 6º Meetup – Direito e Startup: Como proteger seu negócio, acontece no dia 08 de agosto, a partir das 19h, na Amis – Câmara de Mediação, Conciliação e Arbitragem. O evento é uma realização do Parque Tecnológico MT, em parceria com a Comunidade de Profissionais das Startups (STARTUPners), e voltado para empreendedores, investidores e entusiastas de startups. As inscrições são gratuitas e limitadas.

 

Iremos fomentar as discussões e soluções no cenário jurídico e econômico do Brasil e do Mundo. O ecossistema de inovação é composto por cinco premissas: entender, apresentar, conectar, engajar e ativar. (Rogério Nunes – coordenador do Parque Tecnológico)

 

6Meetup

A 6º Meetup tem como foco a área jurídica e toda programação visa orientar e promover discussões que ajudarão as startups para a sua constituição jurídica e desenvolvimento de suas atividades neste momento de mudanças em que o país passa no âmbito da política, da economia e da justiça. Profissionais gabaritados de diversas áreas do Direito abordarão assuntos como a Medida Provisória de Liberdade Econômica; Term Sheet (Acordo de Sócios); e Cuidados jurídicos com marca.

 

Esse evento será o primeiro de outros que buscarão aproximar esses profissionais e empreendedores para uma troca de experiências e cooperação” (Jaqueline Albino – advogada pública da equipe técnica do Parque Tecnológico)

 

 

 

Confira a programação completa da 6º Meetup:

19h – Recepção & Networking

19h – Abertura

19h45 – Talk 1: A  Medida Provisória de Liberdade Econômica e seus impactos nas Startups – Drª Keila Cunha (Advogada Sênior. Compliance. Proteção de dados – LGPD. Parcerias. Uma entusiasta do empreendedorismo e da inovação como fundamentos para a sustentabilidade empresarial e transformação social. Atua no Sistema Federação das Indústrias de Mato Grosso na área de Compliance e parcerias. Membro do Compliance Women Comittee.);

20h15 – Talk 2: Term Sheet (Acordo de Sócios) e sua importância para seu negócio – Dr. Vinícius Miranda (advogado, especialista em Direito Processual Civil, Direito Tributário e discente de MBA Executivo em Direito: Gestão e Business Law na FGV/SP e Membro da Comissão Nacional de Direito para Startups da OAB);

20h45 – Talk 3: Cuidados jurídicos com a sua marca – Dr. Rômulo Araújo (Advogado, Sócio proprietário do escritório Araújo & Melchert, Sociedade de Advogados, pós-graduado em Direito e Processo do Trabalho; Processo Civil; Licitações e Contratos Públicos);

21h15: Discussões e Perguntas.

 

 

 

Inscrições

Acesse aqui.

  

 

Parque Tecnológico

O Parque Tecnológico de Mato Grosso promove a pesquisa, inovação e desenvolvimento na área tecnológica, e estimula a cooperação entre instituições de pesquisa, universidades e empresas privadas.

 

 

Serviço

6º Meetup – Direito e Startup: Como proteger seu negócio

Data: 08 de agosto

Horário: 19h

Local: Amis – Câmara de Mediação, Conciliação e Arbitragem (entrada lateral, rua atrás do Talavera), Cuiabá-MT

 

*Esta matéria também contém informações da assessoria de imprensa da Seciteci (Soraya Medeiros).

 

Campanha “AMIGOS DO BLOG”, acesse aqui e colabore