SISU 2019

Hoje, 10/02 é o último dia para se inscrever na lista de espera!

 

O sonho de entrar para uma universidade pública, infelizmente não é para todos. Dos mais de quatro milhões de candidatos que realizaram o Enem, nos dias 04 e 11 de novembro de 2018, menos de meio milhão conseguirão uma vaga. O Ministério da Educação (Mec), por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) oferece no primeiro semestre de 2019, 235.476 vagas, 1,7% a menos em relação a 2017. Segundo o calendário, a primeira chamada aconteceu no dia 30/01, e as matrículas ocorrem até o dia 07/02.  Quem ficou de fora pode se inscrever na lista de espera até o dia 10/02.

 

 

Diversidade de cursos

No país há uma cultura que dignifica cursos como Medicina, Direito e Engenharia Civil, e menospreza outros cursos. Isso reflete na péssima situação social, econômica e política da sociedade brasileira, que conta hoje com mais de 12 milhões de desempregados.

Outra questão mal disseminada no país é a Orientação Educacional para os alunos que cursam o Ensino Médio. Ao conhecer as suas aptidões terá sucesso na escolha do curso superior e estará mais preparado (a) para o Enem. A família é primordial nesse processo e a pressão em cima do (a) estudante é cruel porque nem todo mundo nasceu pra ser médico ou servidor público. O Brasil também precisa das Licenciaturas, dos Tecnólogos, de pesquisadores e pensadores em todas as áreas do conhecimento. A nação precisa tanto de advogados quanto de cineastas e artistas. Também precisa de cientistas, agrônomos, chefs de cozinha e jornalistas. Todas as profissões são importantes e devem ser valorizadas, porém, para isso são necessárias políticas públicas tanto na Educação quanto na Economia.

 

Lista de Espera

Segundo o Mec, a lista de espera é liberada após a chamada regular e enviada para as universidades participantes. As vagas não ocupadas na primeira chamada devem ser usadas prioritariamente para o preenchimento das vagas oferecidas pelo Sisu.

 

 

Cronograma

Acompanhe as datas do primeiro semestre do Sisu 2019:

 

sisu-2019_Calendario

Saiba mais:

Edital do Enem 2018 (diário oficial) aqui.

Site do Sisu aqui.

Página do Participante do Enem/Inep aqui.

 

Anúncios

SISU 2019 – Inscrições Abertas

Inscrições Prorrogadas: Até o dia 27 de janeiro.

Devido aos problemas com o acesso ao Sistema de Seleção Unificada (SICU), o Ministério da Educação (MEC) prorrogou a data para as inscrições, de 25/01 (sexta-feira) passou para o dia 27 (domingo).

Segundo o MEC, a próxima classificação parcial será divulgada em 26/01/2019 a partir de 1h (horário de Brasília). É importante observar essa classificação, o participante pode ter inscrito para um determinado curso, porém, a sua média da nota for abaixo da nota de corte, não vai conseguir a vaga ou terá que aguardar a 2º Chamada.

As notas de cortes para o curso de Medicina e Direito, as mais requisitadas na Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), são 790,76; e 747,08 respectivamente (divulgada em 25/01).

 

Quem pode se inscrever?

Os candidatos que realizaram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), e que tenham obtido nota maior que zero na redação.

Os estudantes que participaram na condição de ‘treineiro’ não podem participar do Sisu 2019, conforme o item 2.5 do Edital do Enem 2018.

As inscrições só podem ser realizadas pelo site do Sisu utilizando o número de inscrição e senha do Enem 2018.

Sobre o Sisu

sisu-2019_easy-resize.com

 

É um sistema informatizado do Ministério da Educação que possibilita aos candidatos que realizaram o Enem estudarem nas instituições públicas de ensino superior (bacharel, licenciatura e tecnólogo).

Mudanças no sistema

O candidato selecionado na chamada regular, em 1º ou 2º opção, não pode participar da lista de espera.

O candidato não selecionado na chamada regular pode escolher, para a lista de espera, a 1º ou 2º opção informada no período de inscrição.

Essas mudanças visam o melhor uso das vagas nas instituições públicas e evitar as desistências durante o curso. As vagas ociosas dão prejuízos aos cofres públicos e também deixam milhares de estudantes sem acesso ao ensino superior. É importante que o candidato ao se inscrever no Sisu escolha um curso que realmente vai dar conta de estudar por quatro ou mais  anos. É um compromisso sério! Os que não conseguirem entrar na primeira chamada do Sisu devem tentar a lista de espera. Se a pontuação não foi suficiente para entrar no curso que tanto sonhou, não caia da tentação de escolher qualquer curso só para entrar numa universidade. Estude mais, se prepare mais para as provas do próximo Enem.

Saiba mais:

Cronograma Sisu aqui.

Edital do Enem 2018 (diário oficial) aqui.

Site do Sisu aqui.

Página do Participante do Enem/Inep aqui.