Missão Italiana em Cuiabá

A comitiva chega a Cuiabá no início de novembro

Acontece entre os dias 8 e 9 de novembro, a missão do Consulado Geral da Itália de São Paulo em Cuiabá. A comitiva é liderada pelo Cônsul-Geral Felippo La Rosa. A visita diplomática tem como objetivos fazer passaportes de italianos; e realizar reuniões comerciais, educacionais e culturais com autoridades, representantes de órgãos públicos e privados, e empresários de vários setores da economia estadual.

O evento também busca articular missões para negócios e turismo entre mato-grossenses e italianos. Em relação à Educação e Cultura estão previstas reuniões para viabilizar intercâmbios com vistas a aprimoramento da língua italiana e a realização de eventos culturais ítalos-brasileiros. Também se busca incentivar o turismo de italianos para Mato Grosso e de mato-grossenses para a Itália.

 

Emissão de Passaportes

A emissão de passaporte italiano será na sede do Vice-Consulado Honorário Italiano em Mato Grosso, entre os dias 8 e 9 de novembro, das 8h às 18h, O Blog da Bárbara Fontes conversou com a vice-consulesa honorária, Marli Deon Sette:

Blog da Bárbara Fontes:  Quem pode solicitar esse tipo de passaporte?

Marli Deon Sette: Cidadãos italianos.

BBF: Quem são esses cidadãos italianos?

Marli Deon Sette: Cidadãos italianos são aqueles que nasceram na Itália, ou tendo nascido fora da Itália que sejam descendentes de italianos e tenham feito a sua cidadania.

BFF: Basta apenas ter cidadania italiana para fazer esse passaporte?

Marli Deon Sette: Além de ser italiano, precisa estar cadastrado no Consulado Geral da Itália de São Paulo. São duas coisas importantes para se fazer o passaporte: ser italiano (ter a cidadania) e ter o cadastro. O Vice-Consulado Honorário da Itália em Mato Grosso é vinculado ao Consulado Geral da Itália de São Paulo.

 

 

Cônsul-Geral da Itália_ViceConsulesa
Cônsul-Geral da Itália de São Paulo, Felippo La Rosa, com a Vice-Consulesa Honorária da Itália de Mato Grosso, Marli Deon Sette.

A realização da emissão do passaporte italiano em Cuiabá é a primeira conquista do Vice-Consulado. Segundo a Vice-Consulesa Marli Deon Sette, os cidadãos italianos que residem em Mato Grosso tem de fazer a inscrição no site do Consulado Geral, esperar na fila até o dia do agendamento e ir para São Paulo fazer o passaporte. Nos dias 8 e 9 de novembro, esses cidadãos (maiores de 18 anos) podem fazer o documento em Cuiabá sem precisar viajar para São Paulo. Após essas datas, o Vice-Consulado só vai emitir passaportes italianos para menores de 12 anos.

É importante ressaltar que para solicitar o passaporte é necessário passar por algumas etapas: realizar a pré-inscrição, e se ela for aprovada, o solicitante deve pagar a taxa consular e enviar o comprovante por e-mail. Após isso vai receber a data do agendamento para vir pessoalmente na sede Vice-Consulado. A pré-inscrição pode ser feita até o dia 2 de novembro de 2018.

 

Vice-Consulado Honorário Italiano em Mato Grosso

Posse_ViceConsulesaItalia_GabrielaMazzetti
Crédito: Gabriela Mazzetti

 

O Vice-Consulado Honorário da Itália funciona em Cuiabá desde 11 de junho deste ano. O Blog da Bárbara Fontes esteve na cerimônia de reabertura e da posse da Vice-Consulesa Honorária, Marli Teresinha Deon Sette. Acesse matéria aqui.

 

Informações

Sobre a emissão do passaporte e a pré-inscrição aqui.

Sobre a missão diplomática, entre em contato com o Vice Consulado Italiano Honorário de Mato Grosso: (65) 99292.8823

E-mail: marlids@hotmail.com

*Foto de Capa: Solenidade de reabertura do Vice-Consulado Honorário Italiano em Mato Grosso. Crédito: Christiano Antonucci/Gcom-MT

**Gostou dessa matéria? Seja Amigo (a) do Blog da Bárbara Fontes e receba  uma foto-art. Saiba mais aqui.

Anúncios

Vice-consulado da Itália é reaberto em Cuiabá

Solenidade_Crédito_christiano antonucci_GCom_MT
Crédito: Christiano Antonucci/GCom-MT

A comunidade italiana de Mato Grosso pode contar, novamente, com um Vice-Consulado Honorário da Itália. O Blog da Bárbara Fontes esteve na cerimônia de reabertura e da posse da Vice-Consulesa Honorária, Marli Teresinha Deon Sette, ocorrido no dia 11 de junho. O secretário chefe da Casa Civil, Domingos Sávio, representou o governador Pedro Taques, e recebeu também no Palácio Paiaguás, o Cônsul Geral da Itália no Brasil, Micheli Pala.

 

HasteametodasBandeiras_Crédito_christiano antonucci_GCom_MT
Crédito: Christiano Antonucci/GCom-MT

 

Na parte externa do palácio, houve a apresentação da banda da Polícia Militar, e logo em seguida, as três autoridades hastearam as bandeiras da Itália, do Brasil e de Mato Grosso.

 

 

Foto_creditoBarbaraFontes_Easy-Resize.com
Crédito: Bárbara Fontes

Estiveram presentes na solenidade, o deputado federal Adilton Sachetti; o presidente da Associação Circolo Italiano, Mário Buri, que vive há 13 anos em Mato Grosso; Marcos Crepaldi, diretor da FAIP. Também entre os convidados estavam a ex-senadora Serys Slhessarenko; a presidente da Comunidade Italiana de Cuiabá, Gabriela Mazzetti  e o seu esposo, Paulo Ferraz SantaLucia, a ex-consulesa honorária Carmelinda Ferrante Maciel da Silva, e representantes de Relações Internacionais da UFMT, UNEMAT e IFMT.

 

A advogada ítalo-brasileira Marli Deon Sette mora em Mato Grosso há 30 anos e  foi escolhida pelo Consulado Geral da Itália, sediado em São Paulo, para atuar como representante honorária.  Marli é doutora em Direitos Humanos e Meio Ambiente pela UFPA; e como consulesa, a sua missão é estreitar os laços entre Mato Grosso e a Itália;  fazer a mediação entre a comunidade italiana com o Consulado Geral da Itália, e também será um apoio, quando necessário, aos turistas italianos que estiverem no Estado.

Micheli Pala_Crédito_GabrielaMazzetti
Micheli Pala, Cônsul Geral da Itália/Crédito: Gabriela Mazzetti

 

O cônsul Michele Pala disse que Mato Grosso é um dos estados mais importantes do Brasil e destacou a importância de estreitar os laços com a Itália, e que empresas italianas têm interesses em investir na região. Ele citou a empresa do setor energético Enel (uma estatal da Itália) que já está instalada na região de Apiacás (extremo norte de MT). A Enel comprou recentemente 73% das ações da Eletropaulo, tornando-se a maior distribuidora de energia do Brasil.  Ele aguarda com boas expectativas a assinatura do acordo de livre comércio entre a União Europeia e o Mercosul, que se encontra em fase final de negociações. Esse acordo dará muitas oportunidades comerciais para os dois países, em especial para Mato Grosso por meio do agronegócio.

Pala também explicou que o Vice-Consulado Honorário da Itália incentivará a cooperação política e tecnológica, e intercâmbio cultural e educacional entre a Itália e Mato Grosso. Em relação à Educação, citou a importância do ensino da língua italiana nas escolas públicas do Estado, considerando que a Itália possui uma das maiores economias do mundo, é membro-fundador da União Europeia e, também possui importantes universidades – o que torna uma opção interessante para os estudantes mato-grossenses que queiram estudar no exterior, mas para isso, é necessário ter fluência no idioma italiano.

Posse_ViceConsulesa_creditoBarbaraFontes
Posse da Vice-Consulesa Honorária, Marli Deon Sette. Crédito: Bárbara Fontes

A representação diplomática italiana em Cuiabá pode e deve apoiar projetos culturais que promovam a Comunidade Italiana e buscar parcerias com o Governo do Estado de Mato Grosso.

É importante ressaltar que o Vice-Consulado Honorário da Itália em Cuiabá não fará prestação de serviços consulares como emissões de passaporte e vistos. No que se refere a legalização de documentos para aquisição da cidadania italiana, não é atribuição de vice-consulados, porém, a Vice-Consulesa Marli pode auxiliar com informações sobre os trâmites legais.

 

Centro Histórico de Cuiabá. Crédito: Bárbara Fontes
O centro histórico de Cuiabá recebeu muitas influências da comunidade italiana. Crédito Bárbara Fontes.

Cuiabá sempre teve um ‘pé’ e o ‘coração’ na Itália por conta de centenas de italianos que chegaram entre a metade do século XIX e o início do século XX. A primeira padaria instalada em Cuiabá é da família Latorraca, que chegou à cidade por meio de seus primos, os irmãos Orlando (sim, da famosa Casa Orlando, situada no Centro Histórico de Cuiabá), que vieram à convite do comerciante Rafael Verlangieri, que já se encontrava bem de vida na cidade. O primeiro registro de um italiano (um mercador) em Cuiabá é do século XVIII. O segundo registro foi feito por Hércules Florence, o segundo pintor da expedição científica Langsdorff, em seu diário, onde comentava sobre um italiano, dono de uma pensão. Os italianos têm um papel fundamental no desenvolvimento social, econômico e cultural de Mato Grosso e, principalmente, de Cuiabá. E que eles sejam bem lembrados durante as festividades de 300 anos da capital de Mato Grosso, que ocorrerá em 2019.

O Vice-Consulado da Itália em Cuiabá se localiza na Travessa Chamal, lote 8, quadra 10, s/n, Sala 03, bairro Jardim Bom Clima. É necessário fazer um agendamento prévio que pode ser feito por telefone: (65) 99292.8823, ou por e-mail: marlids@hotmail.com.